Apresentação

A ideia para criar este blog surgiu no âmbito do tema da nossa Área de Projecto, que relaciona a saúde e os avanços da ciência e da tecnologia nos nossos dias com o quotidiano.

Escolhemos o tema da auto-imunidade porque está inserido no fascinante capítulo do livro de Biologia doptado pela escola, "Imunidade e Controlo de Doenças", e também pois a pesquisa será muito importante para a nossa vida profissional futura.

Neste blog postaremos inúmeras doenças auto-imunes, e esperamos que estas informações sejam úteis aos leitores.

sexta-feira, 2 de maio de 2008

MIOCARDITE

É uma doença auto-imune causada por Coxasckievirus ou por parasitas. Na fase inicial o patogene multiplica-se nos miócitos (células do miocárdio), e causa lise celular e mionecrose. As moléculas de MHC estão expressas nesses miócitos, e após a apresentação dos antigénios virais desencadeia-se uma resposta imunitária humoral e mediada por células. O factor TNF (tumor necrosis factor) promove a criação de linfócitos T citóxicos, que cruzados com os anticorpos, aumentam os danos celulares. A destruição do tecido miocardial leva à libertação da proteína miosina. Os sintomas da miocardite são dores no peito, pulsação irregular, diminuição da respiração, retenção de fluídos, fadiga, desmaios e febre. Existe um risco muito elevado de se formarem coágulos, e de o paciente ter um AVC. A miocardite é diagnosticada com um electrocardiograma, um ecocardiograma, uma radiografia ao tórax, análises sanguíneas e um cataterismo cardíaco. O tratamento envolve antibióticos, anti-inflamatórios, corticosteróides e muito descanso. Em casos mais graves é considerado o transplante cardíaco, ou a utilização de um coração artificial temporariamente.

Sem comentários: